O governo de Moçambique garante que tem soluções concretas para acabar com a crise de eletricidade na vizinha África do Sul.
 A garantia foi dada pela Alta Comissária sul-africana para Moçambique, Maria Manuela Lucas, esta terça-feira, em Pretória, após a entrega das credenciais ao Presidente sul-africano Cyril Ramaphosa.
Um diplomata moçambicano aponta os projectos de gás de Mpanda Nkua e Temane e a revisão dos contratos em torno da barragem de Cahora Bassa como formas de ultrapassar a crise energética recorde do país.
Maria Manuela Lucas foi nomeada Alta Comissária de Moçambique ‎para a África do Sul em Outubro último, em substituição de Paulino Macarringue.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui